Canela do ceilão: consuma e previna o mal de Alzheimer

A canela do ceilão, ou simplesmente canela, é repleta de benefícios à saúde, além de ser muito saborosa. Conheça seus benefícios e saiba como consumir.


Originária do ceilão, a planta conhecida como canela do ceilão tem nome científico cinnamomum zeylanicum, e também pode ser encontrada com o nome de caneleira. Sua casca, normalmente, é reduzida ao pó e é usada como condimento.

A árvore é pequena e tem folhas opostas e ovais de coloração amarelada. De origem oriental, a planta adapta-se ao clima brasileiro nas regiões do Rio de Janeiro até o Pará, e pode chegar aos oito metros de altura. Se adapta bem aos solos arenoargilosos e secos, além daqueles com relativa umidade e matéria orgânica.

A multiplicação é feita por sementes para formação das mudas, que devem ser plantadas na primavera com um espaçamento de 8 m por 8 m. A planta, conhecida como canela pela maioria, é usada na culinária, na fabricação de bebidas, medicamentos, sabonetes, shampoos e até mesmo perfumes.

Canela do ceilão: consuma e previna o mal de Alzheimer

Foto: Pixabay

Benefícios e propriedades

A planta tem propriedades digestivas além de ser um excelente tônico estomacal e aperitivo. É indicado para casos de inapetência, digestão difícil, flatulência, além de auxiliar no tratamento do medo e da apatia, por atuar como estimulante e revigorante.

É eficaz ainda no tratamento da tosse, rouquidão, dor de garganta, controle do diabetes tipo II – uma vez que reduz os níveis de açúcar no sangue em 25%, aproximadamente, em um período de duas horas –, sendo auxiliar na diminuição da possibilidade de desenvolver o diabetes.

Ajuda a prevenir a doença de Alzheimer, combate o mau colesterol, alivia os sintomas da artrite, combate a pressão alta, herpes, acne, reumatismo, infecções urinárias e a perda de memória.


Pode ser usada ainda, graças às suas propriedades termogênicas, como um excelente emagrecedor. Isso porque promove o aumento da temperatura corporal e, consequentemente, a queima de gorduras. Elimina a vontade de comer doces e aumenta o tempo de saciedade.

Como consumir?

A canela pode ser consumida em saladas de fruta, frutas assadas, bebidas, bolos, entre outros. Deve ser consumida na proporção de três gramas, aproximadamente meia colher de sopa por dia, sempre no café da manhã, podendo ser dissolvida na comida ou bebida.

Chá

Para preparar o chá, você vai precisar de:

– Entre uma e quatro colheres de chá de canela em pó ou a casca inteira entre 0,5 gramas e 2 gramas.

– 150 ml de água (1 xícara de chá)

Aqueça a água e, em seguida, quando começar a ferver, adicione a canela. Deixe por alguns minutos até que a água fique escura. Em seguida, desligue e remova as cascas. Consuma, logo após.

Contraindicações

A canela é contraindicada para aqueles que têm problemas como úlcera péptica gastroduodenal. Gestantes devem evitar o consumo, pois pode ser abortivo.


Reportar erro