Ascite – tratando de forma natural

Por Helena Emília

Ascite

Conheça um pouco da doença chamada de Barriga D’água | Imagem: Reprodução

A ascite, popularmente chamada de “barriga d’água”, é uma enfermidade que confere a acumulação de fluidos no interior do abdome. Costuma ser provocada devido à problemas físicos relacionados à cirrose, graves doenças de fígado ou até mesmo outras adversidades que raramente, mas de forma possível, causam a doença. Seu diagnóstico pode ser feito através da retirada de cerca de 100ml do líquido para exame, a chamada paracentese, testes sanguíneos e também a ultrassonografia.

Esta doença ocorre em três graus

  1. Grau um: Difícil de ser detectada, é necessário um exame ultrassonográfico para o diagnóstico e é considerada leve.
  2. Grau dois: Neste caso, é possível ser percebida a afecção através do exame físico, já exibindo certa protuberância nos flancos.
  3. Grau três: De forma clara, repara-se o aspecto característico da doença: a distensão abdominal, de forma demasiada.

Sintomas

Pacientes atingidos pela ascite geralmente descrevem a progressão de peso e pressão no abdome, surgindo assim a tendência ao inchaço dos membros inferiores. Relata-se também o surgimento de dispneia, falta de fôlego decorrente do prejuízo que o líquido gerado pela doença causa no diafragma, o comprimindo e impedindo a respiração normal do enfermo através da diminuição do volume dos pulmões.

Tratamento e cura

A partir da doença diagnosticada, deve-se tomar cuidado com qualquer tipo de alimento que seja rico em sódio, devido a retenção de sal e água ser um dos principais fatores para a obtenção da ascite. O paciente deve seguir uma dieta que restringe severamente este tipo de mineral, para obter melhor controle e possibilidade de cura da enfermidade.

A medicina alternativa também auxilia no tratamento da doença. Eis algumas receitas simples e caseiras, utilizando frutas, hortaliças e plantas como ingredientes principais:

Hortaliças:

  • Agrião: Suco da sua folhagem dissolvido em água. Ingerir duas vezes ao dia, 250ml cada.
  • Cebola: Duas xícaras de suco desta hortaliça dissolvido em água por dia. Incluir no cardápio a salada de cebola crua, unido ao limão e alho.
  • Beterraba, cenoura e espinafre: 250 ml do suco feito a partir da junção destes três ingredientes. Consumir duas vezes ao dia.

Frutas:

  • Limão: Suco diluído em água. Várias porções ao longo do dia.
  • Melancia: Fazer a ingestão desta fruta em pequenas quantidades durante todo o dia.

Plantas:

  • Abacateiro, cavalinho, quebra-pedra e mangueira: Chá com todos os ingredientes. Modo de preparo: 40 gramas das plantas para 1 litro de água. Consumir quatro vezes ao dia.
  • Boldo, losna e picão: Três xícaras ao dia do chá combinado. Modo de preparo: 40 gramas para 1 litro de água.