Aprenda a receita do Chá de Folhas de Louro

Por Anna de Cássia

Folhas de louro

Benefícios e propriedades desta especiaria | Imagem: Reprodução

Especiaria muito utilizada na culinária brasileira, as folhas de louro (Laurus nobilis L.) possuem um odor muito característico e suas árvores podem chegar a 20 metros de altura. Na Grécia antiga os ramos de louro eram utilizados para confeccionar coroas que eram presenteadas aos atletas campeões de provas olímpicas, e por isso acabou se tornando um símbolo de vitória.

A coroa é um símbolo de soberania temporal. Na antiguidade, a coroa de louros era um símbolo de honra e vitória, por isso, os heróis e imperadores celebravam seu triunfo levando sobre sua cabeça uma coroa de louros.

Na medicina, Galeno ensinava que os frutos negros curavam mais do que as folhas e as cascas, mas a planta toda tem qualidades curativas, inclusive seu óleo essencial, que é usado para aliviar todos os tipos de reumatismo. Internamente é usada nas bronquites crônicas, nas gripes e nos problemas digestivos.

Além do significado histórico, as folhas de louro também representam uma iguaria da culinária. São utilizadas no Brasil inteiro para o preparo de vários pratos como feijão, sopas e carnes, grelhadas ou guisadas. Na culinária, especialmente na francesa, é um tempero importantíssimo, pois a cozinha francesa assenta suas bases sobre folhas de louro.

Além de dar um aroma e um sabor surpreendentes, ainda ajuda na digestão. Por isso acrescentar uma ou duas folhas de louro nos pratos mais gordos e pesados pode deixá-lo melhor de saborear e digerir.

Propriedades do louro

Diurética, antirreumática, anti-inflamatória, digestiva, estimulante, expectorante e hepático.

Por apresentar muitos nutrientes importantes em sua composição, o louro serve para a prevenção de vários casos patológicos. Entre esses nutrientes estão o potássio, o cálcio, os hidratos de carbono, a fibra, o fósforo, o magnésio, o ácido fólico, as vitaminas B6 e C, entre outros. Todos esses nutrientes reunidos podem fazer um bem danado para a nossa saúde, agindo de diversas maneiras em nosso organismo.

Indicações 

Aperitivo, eupéptico (facilita a digestão) e carminativo (elimina os gases do tubo digestivo). É, portanto útil aos inapetentes (que têm fastio) e aos que sofrem de digestões difíceis ou pesadas. Suavemente diurético. Emenagogo (estimula a menstruação) e regulador do ciclo menstrual. Antirreumático e anti-inflamatório muito eficaz aplicado externamente. O óleo essencial de louro é muito procurado por suas propriedades calmantes, analgésicas, anti-inflamatórias e antimicrobianas.

Efeitos Colaterais

Mulheres grávidas ou em fase de amamentação. Se usado em grandes quantidades pode causar sonolência.

Chá de louro

Chá: Para aliviar a digestão, adicione algumas (3-5) folhas de louro em água fervente, e deixe descansar por 10 minutos. Adoce e beba o chá 3 a 4 vezes ao dia.

revisao-edimir