Agave

Por Anna de Cássia

Agave

Imagem: Reprodução

Planta da família das Liláceas e que possui diversas variações e codinomes, a Agave é natural da cidade de Jalisco, que se localiza no México. É o principal ingrediente na fabricação da tequila, que é a bebida alcoólica mais popular no país, chegando a ser considerada como a bebida oficial do México. Esta planta curiosa apresenta uma alta produção de açúcares em seu núcleo, principalmente na forma de frutose.

A partir do sumo a planta é obtido um néctar, com o qual se faz o xarope de Agave. Este xarope é mais doce que qualquer outro açúcar. Além disso, os açúcares da Agave possuem menos calorias que os açúcares normais, tornando-se assim perfeito em dietas, quando utilizados na substituição de açúcar comum e adoçantes. O xarope pode ser utilizado perfeitamente para adoçar um suco, ou para substituir o mel em cima de alguma fruta.

Benefícios da Agave para nossa saúde

  • A planta apresenta uma ótima função laxante, mostrando-se bastante eficiente em prisões de ventre e outros problemas intestinais e distúrbios digestivos.
  • Previne a osteoporose.
  • Ela apresenta diversos sais minerais. Entre eles está o ferro, potássio, cálcio e magnésio.
  • É maravilhosa quando utilizada como antisséptico bucal.
  • Apresenta também funções emolientes.
  • Possui um baixo índice glicêmico, e por isso ajuda a prevenir a contração de diabete (mas não é indicada para o controle da doença depois de adquirida).
  • Pode ser usada também no tratamento de úlceras no estômago.
  • É um diurético natural muito indicado.
  • Demonstra-se maravilhosa no combate à artrite.
  • Reduz a absorção de gordura e colesterol que é feita pelo nosso intestino.

Cuidado!

Apesar de possuir pouquíssimas calorias e inúmeras qualidades benéficas para o corpo, o açúcar da Agave é igual a todos os outros açúcares naturais, e por isso deve ser evitado por diabéticos que apresentam índices altos de glicose no sangue.

Grávidas também devem evitar o consumo do xarope ou do suco de Agave.

Quando tomado em doses exageradas ou muito concentradas, a Agave pode gerar distúrbios digestivos.

Como consumir a Agave

A planta inteira pode ser comestível. As folhas, o caule, as flores e o néctar. O consumo pode se dar através do já citado xarope de Agave, do chá feito com o sumo do caule, do suco feito com as folhas da planta, e do néctar que é matéria prima para o adoçante natural de Agave.